12 tendências para o futuro ou seria presente?

Neste artigo, Ricardo Nantes, mentor aqui na eMentor, Fundador e Ex CEO do Portal Educação, compilou 12 tendências que ele acredita que já estão acontecendo e trazendo impacto significativo para o mundo!

IMG: Ricardo Nantes

Leia até o final e descubra tudo sobre as essas tendências para o futuro ou seria para o presente?

Você vai ler:

  1. Home office 2.0?
  2. Metaverso
  3. Healthtechs
  4. Regulação das criptomoedas e NFT
  5. Compras online e Logística de entrega
  6. Tecnologia 5G
  7. Web 3.0
  8. Apagão Tecnológico
  9. DeFi – Finanças descentralizadas
  10. Robótica
  11. Saúde Mental e Física
  12. Inflação

Como será o futuro? O futuro já começou!

1. Home office 2.0?

“O que importa é o que a pessoa produz, não o tempo que fica na empresa” para Ricardo, esse é um pensamento que chegou para ficar em diversos setores do mundo corporativo.

Além disso, o conceito “Home Office 2.0” sugere o envolvimento do trabalho remoto com o Metaverso (que é a tendência número 2 da nossa lista).

O empresário norte-americano Bill Gates, por exemplo, já prevê reuniões de trabalho no ambiente virtual metaverso no ano de 2024, assim como o escritório de advocacia ‘’Grungo Colarulo’’, de Nova Jersey, que anunciou recentemente o lançamento de uma sede no metaverso, visando a realização de reuniões virtuais com clientes, para gerar uma sensação maior de presença e participação no ambiente em comparação aos programas utilizados atualmente.

IMG: Home Office 2.0

2. Metaverso:

Embora o Metaverso tenha ganhado destaque após a mudança de nome do Facebook para Meta, essa temática vem sendo discutida há algum tempo.

Este “mundo desconhecido”, ou melhor, pouco explorado, pode ser uma tendência ainda maior em 2022 em diante.

Especialmente após grandes empresas divulgarem o interesse e projetos neste ambiente.

IMG: Metaverso

3. HealthTechs:

Vivemos uma aceleração digital, isso não há como negar.

E o que há de positivo na aceleração digital, é que ela traz consigo a aceleração de soluções entregues ao consumidor no mundo corporativo. E todos os setores são diretamente impactados.

As HealthTechs, por exemplo, são startups e empresas que geram soluções tecnológicas para a saúde. As mesmas compõem um dos segmentos que mais crescem no Brasil e no mundo.

GIF: HealthTechs

A tendência de crescimento destas startups é uma resposta ao aumento da expectativa e qualidade de vida das pessoas que, graças à ciência e às tecnologias, é cada vez maior.

Com isso, veremos inteligência artificial sendo usada na descoberta de novos medicamentos. Algoritmos cada vez mais eficientes e eficazes estarão presentes nas pesquisas para descobertas de novos medicamentos.

4. Regulação das Criptomoedas e NFT

Apesar de ser um tema recente e muitos não entenderem como funciona o mercado das Criptomoedas e de NFT, já está em pauta a regulação desses ativos. Embora muitos critiquem a regulação, Ricardo não vê como algo ruim.

As criptomoedas descentralizadas são vistas como um dos grandes símbolos do liberalismo econômico e presença menor do estado.

GIF: Criptomoedas e NFT

Entretanto é válido lembrar que ainda vivemos em um mundo controlado demais por governos. E eu creio que a regulação (e não proibição) em mais países, seja algo natural de se ocorrer.

De certa forma, pode gerar mais segurança, especialmente para investidores institucionais.

Independente da opinião, a Regulação das Criptos e NFT’s pode ser uma tendência para o futuro.

5. Compras online e Logística de entrega

Com certeza, o crescimento das vendas online na pandemia antecipou e melhorou a logística de entrega de produtos. Esse modelo beneficiou empresas e consumidores com a redução de custos.

Esta tendência deve continuar em 2022 em diante. Além de acreditar que muitos outros produtos também serão incorporados ao modelo de “delivery”.

Lembre de quantos produtos você passou a receber em casa ao invés de ir até a loja e comprar. Incrível como nosso comportamento de consumo mudou!

IMG: Compras online

6. Tecnologia 5G

A chegada do 5G pode trazer grandes avanços para novas tecnologias já sonhadas, como: carros autônomos, cidades inteligentes, automação, ensino, entretenimento mais “veloz” entre outros.

GIF: Tecnologia 5G

Esse tema é recente e envolve diversas polêmicas ao seu respeito, por conta de empresas e governos. Você tem alguma opinião formada sobre isso?

Fato é que essa tecnologia ainda não chegou em todo o Brasil, mas gradativamente já está tomando proporções maiores no mundo.

7. Web 3.0

Vem crescendo cada vez mais o acesso a internet a qualquer hora e em qualquer lugar e em qualquer dispositivo. Isso possibilita a troca de dados entre dispositivos, um avanço enorme comparado a poucos anos atrás.

É fato que a Web 3.0 deve manter a existência das redes sociais, mas estas passam a ter um protagonismo maior do que na versão anterior.

Se antes as plataformas eram usadas para entretenimento descompromissado, impulsionar vendas ou fortalecer a reputação digital de marcas, agora as mídias sociais adotam um caráter de dependência social.

IMG: Web 3.0

8. Apagão Tecnológico

O Brasil forma 46 mil profissionais de TI ao ano. E até 2024 serão abertas mais de 420 mil vagas na área. Não precisa ser gênio para ver que teremos um apagão tecnológico pela frente.

IMG: Apagão Tecnológico

A demanda por profissionais de tecnologia aumentou, e com ela a dificuldade em formar profissionais na mesma proporção.

Esse cenário de baixa oferta e alta demanda traz consequências de curto, médio e longo prazo ao mercado de trabalho. E quanto mais cedo solucionar o problema, mais rápido teremos uma estabilidade.

9. DeFi – Finanças descentralizadas

O DeFi (ou finanças descentralizadas) é o termo usado para representar serviços e produtos financeiros construídos em uma rede blockchain. O objetivo é dispensar o controle de intermediários, como bancos e instituições financeiras.

A partir de 2022, o blockchain sem ter uma autoridade central de governança e os contratos inteligentes devem trazer um aumento significativo nas finanças descentralizadas, para desespero dos bancos.

IMG: Finanças descentralizadas

10. Robótica

A pandemia também antecipou a robótica para uso em muitos lugares. A tendência é continuar ainda mais no futuro.

IMG: Robótica

O fator-chave que afeta o futuro em longo prazo da tecnologia robótica é o envelhecimento da população, tanto em termos de seu potencial para reduzir a lacuna criada por uma força de trabalho envelhecida.

Também é possível se falar na oportunidade de conhecer as necessidades de saúde desta população em envelhecimento.

11. Saúde Mental e Física

A Organização Mundial de Saúde (OMS) define “Saúde” como “um estado de completo bem-estar físico, mental e social, e não apenas a mera ausência de doença ou enfermidade”.

GIF: Saúde Mental

A polarização da política, a inflação, as redes sociais, o desemprego levaram as pessoas a buscar cada vez mais ajuda para se “encontrar” em tudo isto. Logo, onde há problema há uma oportunidade para solução.

12. Inflação

A tempestade que parecia ter ficado para trás ganhou novos capítulos em 2022. Pelo menos no início do ano, a inflação continuará pressionada por uma combinação de fatores domésticos e externos, segundo especialistas e o próprio Banco Central (BC).

Inflação no mundo e no Brasil com ano eleitoral em 2022, é provável descontrole das contas públicas. Esta receita deve trazer ainda mais inflação para o Brasil.

Esse foi um compilado das principais tendências para o futuro, escrito pelo mentor Ricardo Nantes.

IMG: Ricardo Nantes

Gostou? Compartilhe!

eMentor © Todos os direitos reservados.